HISTÓRIAS

JOÃO E MARIA VERSÃO CASAMENTO

João e Maria. Esquece a verão perdidos na floresta. Esta aqui é muito melhor e bem mais atual. Com certeza, você já viu esta história ou uma parecida. Vamos lá…

João e Maria são casados há alguns anos. Isto, claro, um com o outro. Pensou o que?

Um belo dia de sol e um pouco de frio, pra variar a conversa, Maria estava na cozinha lavando umas vasilhas e João estava lá fora lavando o cachorro da família. Ele estava de folga do trabalho. O telefone dele tocou, vibrou, porque ele só o deixava no silencioso. Você já viu esta parte em algum lugar também, eu sei. Deixa-me continuar, por favor.

Maria, curiosa, deu aquela olhada básica. Toda mulher faz isso. Ela conhecia aquele número. Era o mesmo do chip novo que João havia comprado há alguns meses. Coçou a cabeça. Resolveu atender. A voz de um timbre feminino disse:

– Alô, João?

– Não!

E antes que Maria dissesse mais alguma coisa o telefone ficou mudo. Engraçado, pensou ela, este número é do João. Ficou calada e resolveu dar uma olhada nas ligações do telefone. O mesmo numero já estava lá, como ligação não atendida. Deixou pra lá.

João terminou de lavar o cão e resolveu ir até o boteco da esquina, tomar umas cervejas. Maria ficou em casa terminando seu serviço. Algumas horas depois ele voltou mau humorado. Coisa rara quando ele bebia. Geralmente voltava do bar de bem com a vida e dizendo eu te amo até pras plantas. Beleza. Ficou intrigada, mas deixou passar. Estava passando o jogo o time dele e ela resolveu ir pro computador ver seus e-mails. Ele passou por ela, em direção a cozinha e xingou-a, dizendo que ela reclamava de cansaço, mas fiava enfiada no computador o dia inteiro. Xingou um palavrão e foi se sentar em frente a TV pra ver o segundo tempo do jogo. Ela não entendeu nada. Depois entendeu tudo. A esta altura, você também já entendeu não é mesmo?

Ela subiu pro quarto e foi dormir. Não conseguiu dormir muito bem, mas fingiu bem.

No dia seguinte, logo de manhã, ela o questionou:

– Como que o chip que você comprou foi parar nas mãos de uma mulher?

– Que isso benzinho! Nem sei que chip é esse. Deve ser o telefone da Dorotéia, uma amiga, que foi no meu serviço pedir pra eu arrumar um emprego pra ela.

– Me explica isso direito! O chip é seu, está no seu nome e no seu CPF. Como ele foi parar em mãos alheias que ainda por cima te liga?

– Não sei explicar, querida. Vou ligar pra operadora e pedir pra cancelar este chip no meu nome. Você tem o número da operadora? Vai ver foi roubado e eu nem dei falta.

Chateada, Maria viu que não ia adiantar discutir com ele. Disse que ia esperar que ele explicasse a situação pra ela ao longo do dia.

O dia todo ela ficou esperando a explicação dele. E nada.

No meio da noite, na frente da TV, ele já meio tonto, como de costume, ela cobrou dele a explicação.

Apelando, ele respondeu que ela estava começando a ficar chata. Começando? Ignorou-a. fingiu que não havia nada a falar.

Então, Maria ficou olhando pro tempo e pensando:

Mais uma vez fui passada pra trás. Ele comprou um chip pra filial.  Assim ele coloca crédito e ela liga pra ele. Desta forma, não tem como aparecer as ligações na conta do telefone. E ele sai ileso da brincadeira. De novo.

Deu o horário de dormir e eles foram se deitar. Cada um no seu canto. Maria triste e chateada para um lado. João feliz para o outro. Ele julgava que havia passado a perna nela de novo. No outro dia ele fingiria que nada aconteceu e ainda posaria de vitima na história.

O que você faria no lugar de Maria, já que pimenta nos olhos dos outros é colírio?

Dar pitaco na vida dos outros é melhor do que pedir palpite…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s